Governo estima impacto de R$ 4,9 milhões na concessão de auxílios a militares



O governo de Mato Grosso encaminhou nesta terça-feira (29) um pacote de projetos voltados para os servidores da segurança pública, que incluem reajuste de tabelas salariais, auxílio fardamento, auxílio alimentação e pagamento de hora extra e atividade voluntária dos militares da reserva.


Além dos militares, os servidores do Departamento Estadual de Trânsito (Detran), do socieducativo e do sistema priosional também devem ser beneficiados com o reajuste salarial.

O governo afirma que pacote causará um impacto de R$ 4,9 milhões mensais, incluindo servidores da ativa, aposentados e pensionistas.


Um dos projetos prevê o pagamento de R$ 1.850 ao ano como auxílio fardamento para que bombeiros e policiais militares tenham ajuda para comprar fardas.


O projeto prevê o pagamento de até o mês de dezembro de cada ano.

Outro projeto contempla o pagamento de hora extra e atividade da reserva voluntária aos militares convocados no período de folga. Para os militares da reserva que prestam serviço, as indenizações serão de 55,54% do valor do salário.


Os projetos vão ser votados pela Assembleia Legislativa.


Fonte: G1

0 visualização