Mulher russa vende bebê para pagar cirurgia plástica no nariz

O acordo foi fechado em 200 mil rublos (R$ 17,5 mil), valor estipulado com base no procedimento.

Uma mulher russa, de 33 anos, vendeu o próprio bebê recém-nascido para financiar uma cirurgia plástica em seu nariz. Segundo a polícia local, o acordo foi fechado no valor equivalente à R$ 17,5 mil (200 mil rublos, moeda russa). Esse valor foi estipulado com base no gasto com o procedimento estético.


De acordo com relatórios da polícia, a mãe, residente da cidade Kaspiysk (República do Daguestão, na Rússia), recebeu um depósito de 10% (R$ 1.750) de um casal que concordou, apenas cinco dias após o nascimento do bebê, em 25 de abril, em tirar o bebê das mãos de sua ex-responsável. Ela não teve a sua identidade revelada.


De acordo com a reportagem do jornal britânico Daily Star, um mês depois, o casal interessado na criança pagou mais R$ 8.700. No entanto, nesse mesmo período, o bebê passou mal e os médicos pediram ao casal a certidão de nascimento para que fosse possível levá-lo ao hospital, entretanto os dois não possuíam o documento. A suspeita foi levada à polícia.


Antes que o casal pudesse pagar o restante do valor combinado, a polícia os prendeu por tráfico de pessoas. A mãe da criança, responsável pela venda, também foi detida sob a mesma acusação. Não foi informado se foi realizada a cirúrgia.



Fonte: Pais & Filhos – UOL

6 visualizações