Produtor tem boas expectativas para o futuro


“A mudança de mentalidade para novas ações foi o principal desafio do Programa de Assistência Técnica e Gerencial (ATeG) Balde Cheio na propriedade de Clemar Moreira, em Medina”, contou a técnica de campo Rayanne Clemente Jorge. O produtor concorda. Disse que “perdeu muito tempo e, se soubesse o que sabe hoje, a propriedade estaria em outro patamar”. Isso porque, além de acompanhar a rotina da fazenda, o programa estimulou o produtor a fazer cursos como o de Vaqueiro, Inseminação Artificial de Bovinos, Palma Forrageira – Implantação e Alimentação – Palma Forrageira, Mistura Mineral e Concentrado.


De acordo com Clemar, depois dos cursos e do acompanhamento técnico, tudo ficou melhor. “Fui ‘cabeça dura’, mas ainda bem que aprendi. Melhoramos a pastagem, os bebedouros, fizemos lavoura de palma, inseminamos gado e conseguimos aumentar o leite. Hoje, tenho uma visão totalmente diferente. Quero crescer e viver bem com a renda da fazenda”, garantiu o produtor, que agora já está pronto para “andar com as próprias pernas”.


Antes do programa, Clemar não fazia anotações e, por isso, não tinha condições de tomar decisões assertivas. Agora, contando com a ajuda do pai, que também acompanhou o ATeG, consegue ter um panorama para a tomada de decisão. “Atualmente, é um dos produtores de excelência e só enxerga crescimento. Por meio das novas rotinas definidas pela assistência técnica e gerencial, ele vê a capacidade de sua produção e a possibilidade de melhorar ainda mais a vida de sua família”, contou a técnica de campo.

Para o presidente do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Medina, Rafael Rafael de Oliveira, Clemar é um grande exemplo para os produtores do município. “Ele pensou que não fosse dar conta e hoje é um incentivador na nossa região. Mudou o seu jeito de pensar e trabalhar, principalmente com o leite. É um orgulho para o SPR de Medina, que viu no produtor um grande potencial”.


“Fazer o produtor enxergar que o acesso ao conhecimento e a disciplina são fatores fundamentais para o sucesso é uma das funções do ATeG. Clemar se adaptou, ouviu as instruções e as colocou em prática. Mais uma prova dos benefícios do Sistema FAEMG e da necessidade de fazer com que o produtor entenda que consegue ganhar dinheiro no campo”, destacou o gerente regional em Araçuaí, Luiz Rodolfo Antunes Quaresma.



Fonte: Sistema FAEMG

3 visualizações